Wilson Lima paga benefícios para 264 famílias da Sharp e da Manaus 2000

Recursos vão financiar reassentamento das famílias retiradas da área de igarapé

Indenizações, bônus e auxílio somam mais de R$ 28,7 milhões

O governador Wilson Lima realizou, nesta segunda-feira (27), o pagamento de indenizações, bônus, auxílio e outras soluções de moradia para reassentar mais 264 famílias das comunidades da Sharp (Zona Leste) e Manaus 2000 (Zona Sul), que moram na área de intervenção do Programa Social e Ambiental de Manaus e Interior (Prosamin+).
Somando R$ 28,7 milhões na forma de indenização, bônus, bolsa e auxílio, além de fundo de comércio, os benefícios são destinados às famílias que estão sendo reassentadas pelo programa por terem sido retiradas de áreas de risco, evitando que, em época de chuvas, suas residências ficassem alagadas ou desabasse.

Política habitacional

O governador Wilson Lima disse que a política habitacional do Estado, que leva o nome de Amazonas Meu Lar, prevê a entrega de 24.044 soluções de moradia. O programa está estimado em R$ 4,7 bilhões, sendo R$ 1,2 bilhão do Estado e o restante do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR), via programa federal Minha Casa Minha Vida (MCMV).
O programa estadual tem, ainda, 1,9 mil unidades aptas a serem construídas e financiadas com recursos do FGTS. Com isso, já são mais de 2,6 mil unidades que devem ser construídas para atender as primeiras famílias por meio do Amazonas Meu Lar, que se encontram na fase de cadastramento.

Prioridades

“A partir de agora é uma nova perspectiva de vida, é um outro momento. Nós estamos pagando essas indenizações com apoio do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) e também com recursos próprios do Governo do Estado”, destacou o governador. “Hoje na condição de governador, eu tenho como agir para dar prioridade ao povo que mora ali”, completou Wilson Lima.

Acompanharam Wilson Lima nas ações desta segunda-feira o vice-governador Tadeu de Souza; os deputados estaduais João Luiz e Thiago Abrahim; o vereador Diego Afonso; o diretor-presidente da Suhab, Jivago Castro; o secretário estadual de Cidades e Territórios, João Braga; o coordenador executivo da UGPE, Leonardo Barbosa; além dos moradores contemplados nesta etapa.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *