Vereadores de Manaus tiram LDO 2025 da gaveta

Lei Orçamentária foi deliberada e começou a tramitar

Prefeitura prevê arrecadação de mais de R$ 10 bilhões

Alessandra Luppo
Da redação do ÚNICO

A Câmara Municipal de Manaus finalmente aprovou o início da tramitação protocolar da Lei das Diretrizes Orçamentárias (LDO) da Prefeitura de Manaus para o ano de 2025, na sessão desta segunda-feira (10).

A LDO foi enviada pela Prefeitura em meados de maio deste ano e ficou parada por 26 dias (corridos), até sua tramitação ser autorizada, na sessão de ontem.

Previsão de arrecadação

De acordo com o documento enviado à CMM, a Prefeitura de Manaus prevê arrecadação superior a R$ 10 bilhões no próximo ano e uso abundante dos recursos da inteligência artificial, para aumentar essa arrecadação. A meta é superar os R$ 10 bilhões.

Para conseguir esse aumento, o Executivo propõe a ampliação do uso de inteligência artificial para “atualização da base cadastral mercantil e imobiliária, visando ao aperfeiçoamento dos lançamentos dos créditos tributários e ao aumento da arrecadação”.

Previsão de despesas

O documento aponta também que a prefeitura estima um aumento de despesa de R$ 69,4 milhões em decorrência de novos gastos com parcerias público-privadas, saúde, educação e usinas fotovoltaicas.

Ao mesmo tempo, há previsão de economia permanente de R$ 60 milhões relacionada à redução no consumo de energia proporcionada pela produção das usinas fotovoltaicas.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *