Vereador abre representação contra Águas de Manaus por apagão hídrico na capital

Rodrigo Guedes protocolizou representações no Ministério Público e Defensoria Pública

Ele pede que a concessionária seja multada pela falta de água

O vereador Rodrigo Guedes (Podemos) ingressou com uma representação no Ministério Público do Estado do Amazonas (MPAM) e outro na Defensoria Pública do Estado, contra a concessionária Águas de Manaus, em função da falta de água em vários bairros da capital amazonense, acontecida nos últimos dias. Ele pede uma Ação civil pública contra a concessionária Águas de Manaus.

”Apagão hídrico”

Na semana passada, Manaus viveu quase três dias de falta de água em dezenas de bairros. Em alguns locais a falta de água durou 48 horas e, em outros, até mais tempo. “Mesmo a concessionária garantindo que realizou manutenção do sistema de abastecimento vários locais ainda continuaram sem água, o que tem resultado em transtornos do dia a dia dos moradores”, informou o vereador.
O vereador cobrou ainda que a Prefeitura de Manaus multe a Águas de Manaus pela falta de abastecimento.

Multas

“Vamos ver se a Ageman irá multar a Águas de Manaus. Caso não faça, pedirei também no MP o indiciamento do diretor presidente da concessionária. A Águas de Manaus está nos últimos dias do prazo para reduzir em 25% a tarifa de esgoto, conforme TAG celebrado, fruto da CPI da Águas de Manaus na Câmara Municipal.Não podemos deixar que a empresa deixe a população no prejuízo e não seja penalizada”, defendeu.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *