Veja os nomes dos 6 amazonenses presos em Brasília por vandalismo

Detidos pediram ajuda da OAB-AM para fiscalizar as condições da prisão

Ministro avalia se vai ou não transferir os presos para Manaus

Seis pessoas do Amazonas estão presas em Brasílias sob suspeita de participação nos atentados contra a Praça dos Três Poderes, no dia 8 de janeiro, em Brasília.


São cinco homens recolhidos no Presídio da Papuda e uma mulher, na penitenciária feminina, conhecida como Colmeia. Veja os nomes:


Andreia Alves dos Santos – 40 anos;
Valteir Correia Fernandes – 59 anos;
Mohammad Khaled Azan Paredio – 19 anos;
Telmário Araújo Sobreira – 30 anos;
Wesdra Santarem Mazzega – 43 anos
e Luiz Lima Coelho – 39 anos.


A fonte da informação é a Secretaria de Administração Penitenciária do Distrito Federal.

OAB e Defensoria acionados

Na semana passada, o presidente da Comissão de Direitos Humanos da OAB-AM, Caupolican Padilha, informou ao jornal A Crítica de que a entidade teria sido acionada pelos presos para verificar as condições da prisão e, segundo ele, as informações ainda estão sendo recolhidas na OAB-DF.


A Defensoria Pública da União é quem está acompanhando o caso dessas seis pessoas e os outros 740 que continuam detidos em Brasília. A Defensoria Pública do Amazonas informou que acompanha o trabalho da DPU.


Ainda segundo o jornal, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes analisa se autoriza a transferência dos presos amazonenses oara penitenciárias de Manaus.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *