PRIMEIRA MÃO

Tribunal de Justiça nega que tenha recebido vacinas de forma graciosa

tjam

Gás doado pela Venezuela chega a Manaus

Guerra por cilindros de oxigênio

Deputados Lins esclarecem parentesco entre famílias

O Tribunal de Justiça do Amazonas, divulgou nota oficial na manhã desta quarta-feira (20), negando que tenha recebido vacinas contra Covid-19, de forma privilegiada. Confira a nota:

Nota de Esclarecimento

O Tribunal de Justiça do Amazonas esclarece que são mentirosas e maledicentes quaisquer postagens que afirmem existir destinação de vacinas contra a covid-19 para esta Corte Estadual de Justiça e seus membros. Este Tribunal se pauta pela seriedade e responsabilidade e tem plena consciência de sua função institucional, respeitando os princípios republicanos que devem nortear suas ações.
Qualquer denúncia acerca de desvio de vacinas, deverá ser devidamente apurada pelos órgãos responsáveis com o máximo rigor.
Des. Domingos Jorge Chalub Pereira
Presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas

Oxigênio da Venezuela chegou a Manaus

Chegaram a Manaus os cinco caminhões tanque com 107 mil metros cúbicos de oxigênio, doados pela Venezuela, que vão ajudar a desafogar a demanda na rede pública de saúde, que hoje está utilizando diariamente uma média de 80 mil metros cúbicos. Os motoristas entraram na cidade mostrando bandeiras venezuelanas e acenando.

Guerra pelo oxigênio

O Portal Único recebeu várias manifestações de pessoas que dizem estar em meio a uma verdadeira guerra para comprar cilindros de oxigênio. Segundo afirmam, empresas que vendem o produto, como a Carbox, anunciam o horário de venda e as filas se formam no local, com pessoas cada vez mais tensas disputando o material.

Famílias Lins

Os deputados irmãos Belarmino Lins e Átila Lins, divulgaram nesta manhã de quarta-feira (20) a seguinte nota:

“A propósito de postagem que circula nas redes socais sobre privilégios a familiares no processo de vacinação de profissionais de saúde que atuam no combate à Covid-19, os irmãos deputados Átila Lins (Federal) e Belarmino Lins (Estadual) esclarecem o seguinte:
A família Lins, dos deputados Átila e Belarmino LINS DE ALBUQUERQUE, não possui nenhum grau de parentesco com as médicas Gabrielle e Isabbele Lins, que pertencem a ramificação da família Nilton Lins. Dessa forma, desfazendo mal-entendidos veiculados nas redes, os irmãos parlamentares esclarecem que a postagem, portanto, não pode ser confundida com qualquer vinculação aos LINS DE ALBUQUERQUE.
Também sobre a questão, Átila e Belarmino enfatizam que todos os membros da família LINS DE ALBUQUERQUE serão vacinados seguindo estritamente as fases do cronograma pertinente à campanha de vacinação realizada pelo Governo do Estado e pela Prefeitura de Manaus.
Deputados Átila e Belarmino Lins – PP”


Compartilhe >
Facebook
Twitter
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *