Tribunal de Contas suspende licitação da Prefeitura de Barcelos

Auditor apontou “falta de transparência” na divulgação do certame

Prefeito iria comprar geradores de energia elétrica

O auditor do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM), Luiz Henrique Mendes, suspendeu uma licitação da Prefeitura de Barcelos (a 405 km de Manaus), que previa a aquisição de grupos geradores de energia elétrica.

De acordo com o relatório apresentado pelo auditor, a competitividade foi prejudicada, já que a prefeitura não publicou o edital no portal da transparência, impedindo que outros concorrentes tivessem acesso.

Desatualizada

A empresa denunciante informou o auditor de que tentou conseguir o edital por e-mail e pelo portal da transparência, mas não conseguiu.

Na decisão publicada, o auditor Luiz Henrique Mendes reconheceu os indícios de irregularidades no procedimento licitatório e ainda descobriu que os demais anexos da Prefeitura de Barcelos não são atualizados no portal desde 2021.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *