Superintendente da Fundação Amazônia Sustentável fala na CPI das ONGs na terça-feira

Virgílio Viana foi convidado pelo presidente da comissão

CPI quer informação sobre a atuação e prestação de contas da entidade

Valéria Costa
Correspondente

Brasília (ÚNICO) – O superintendente da Fundação Amazônia Sustentável (FAS), Virgílio Viana, é o convidado da CPI das ONGs, em curso no Senado Federal, desta terça-feira (12). A oitiva com o dirigente partiu do presidente da comissão, o senador Plínio Valério (PSDB).

Prestação de contas

De acordo com o requerimento aprovado na CPI, o colegiado quer esclarecimentos sobre a prestação de contas da organização referente aos anos de 2017 e 2018, em que se encontrou divergências, segundo análise técnica feita pela equipe que auxiliar a comissão parlamentar.


Além disso, o documento afirma, ainda, que nos diversos depoimentos que passaram nestes meses na CPI houveram diversas menções à FAS sobre sua atuação na região amazônica, principalmente sobre a aplicação dos recursos públicos recebidos pela fundação, de origem nacional e estrangeira.

À disposição

Procurado pelo ÚNICO, o superintendente da FAS, Virgílio Viana, respondeu por meio de nota que vai contribuir com a comissão prestando, integralmente, informações sobre todas as atividades realizadas pela instituição e, resultados, ao longo de 15 anos em que atua na região amazônica.


“A FAS esclarece, ainda, que é uma organização privada, sem fins lucrativos, que atua de modo transparente, com históricos da destinação dos aportes, contribuindo com a conservação do bioma, trabalhando na valorização da floresta em pé e de sua biodiversidade, e pela melhoria da qualidade de vida das populações da Amazônia”, diz trecho da nota.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *