fbpx

‘Semana do Economista’ realizou debates, maratonas e premiações

A Zona Franca de Manaus foi o foco das discussões da categoria

Mesa redonda reuniu especialistas e economistas para falar sobre o modelo econômico

Durante a semana do economista, o Conselho Regional de Economia do Amazonas (Corecon-AM) promoveu nos dias 8 a 13 de agosto, a ‘Semana do Economista 2022 – O Amazonas que queremos’ que contou com debates inéditos sobre a importância da Zona Franca de Manaus (ZFM), o primeiro hackathon brasileiro com estudantes de Economia, além de premiações a jornalistas e representantes de instituições técnicas.
A programação começou com o primeiro hackathon de Economia, uma maratona de desenvolvimento de ideias sobre o tema ‘Soluções de renda para pessoas de baixa renda’. O evento inédito reuniu estudantes de economia de universidades públicas e privadas do Amazonas.
No dia 11 de agosto, aconteceu a mesa-redonda com o tema ‘Zona Franca de Manaus – Tendências e expectativas’, quando especialistas debateram sobre a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) e também desmistificaram a ideia de que o modelo é um problema para o país, considerando ainda que a ZFM desempenha um papel importante de integração e de estabilidade geopolítica na região, levando em consideração os aspectos sociais, econômico, ambiental e de segurança pública.
Em parceria com a Universidade Federal do Amazonas (UFAM), Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Amazonas (SJPAM) e Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), a semana do economista premiou os finalistas do ‘Prêmio Imprensa Econômica 2022’ e, no sábado (13) o encontro foi encerrado com um café da manhã sob o tema Zona Franca de Manaus.

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.