PRIMEIRA MÃO

Rebecca Garcia entra na mira de partidos que buscam alternativas para 2022

Rebeca Garcia
Alguns partidos políticos estão conversando com a ex-deputada federal Rebecca Garcia.

Mudança na liderança do governo Wilson Lima na Assembleia Legislativa

Deputado diz que filho de Bolsonaro foi contra dolarização da gasolina

Militares, juízes e delegados podem ser barrados na nova eleição

Marcelo Ramos pede socorro a portos do interior que estão “no seco”

Zona Franca será modelo de preservação ambiental em evento internacional, mas Manaus só piora

Educação indígena vai ser renovada no âmbito municipal

Governo e Prefeitura “caçam” os faltosos da segunda dose

Brasil, Peru e Colômbia no Festival de Música do Alto Solimões

Partidos querem Rebecca

Alguns partidos políticos estão conversando com a ex-deputada federal Rebecca Garcia. O objetivo é claro: construir uma alternativa eleitoral para 2022. Sem filiação partidária desde que deixou o PP, Rebecca tem ouvido convites mas ainda não se decidiu. Disse ao ÚNICO que, por enquanto, está focada na gestão de empresas da Família Garcia. DEM e PDT estão entre os partidos que querem Rebecca.

Mudanças na liderança de Wilson Lima

Saiu dos gabinetes e chegou aos corredores da Assembleia Legislativa. Está em curso a mudança na liderança do governador Wilson Lima (PSC) na Casa. Sai a atual líder Joana Darc e entra o deputado Tony Medeiros (PSD). Deputados da base governista vão levar o assunto ao governador Wilson Lima.

Dolarização da gasolina

O deputado estadual Serafim Corrêa (PSB) criticou a dolarização dos combustíveis no país, que atinge diretamente o bolso do consumidor com a alta dos preços. Ele divulgou um vídeo onde o deputado federal Flávio Bolsonaro (Republicanos – RJ), na Câmara dos Deputados, no dia 28 de agosto de 2018, criticou enfaticamente a internacionalização do petróleo. Hoje o entendimento dos bolsonaros é diferente e apontam os governos estaduais como culpados pelo aumento de preços. Serafim afirma que o Brasil está de cabeça pra baixo e Bolsonaro “está fazendo tudo errado”, afirmou.

Cláusula de barreira

Uma tradição eleitoral recente do Amazonas, a eleição de policiais militares, civis e delegados, pode ser barrada na próxima eleição. A revisão do Código Eleitoral, que tramita na Câmara dos Deputados, define que membros das forças de segurança e da Justiça devem esperar cinco anos – depois de pedir afastamento – até poder disputar uma eleição. Lá vem polêmica.

Portos no seco

O deputado federal Marcelo Ramos (PL-AM) comunicou ao Ministério dos Transportes que há portos administrados pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit) no interior do Amazonas que estão “no seco”. Os portos flutuantes não foram movimentados para acompanhar a vazante e estão em terra.
O motivo da falta de operação é, no mínimo, curioso: trabalhadores treinados foram substituídos por servidores que, embora lotados no interior, moram em Manaus.

Fazendo as pazes

A 299ª reunião do Conselho Administrativo da Suframa (CAS) foi presidida pelo secretário especial de Produtividade e Competitividade do Ministério da Economia, Carlos Da Costa, que era visto com reservas no meio político e empresarial local, por ter “segurado” em maio passado, o projeto de transferência da LG para Manaus, se redimiu ontem. Da Costa afirmou que o Brasil gerou mais de 300 mil empregos no mês de julho e que a Zona Franca de Manaus contribuiu de forma direta para este resultado. Ele também elogiou o fato de que os projetos em pauta demonstravam “maior equilíbrio da relação entre o número de empregos gerados e o volume de renúncia fiscal”.

Zona Franca é exemplo ambiental

O secretário também falou sobre o papel da Zona Franca de Manaus como principal instrumento de proteção da floresta, revelando que o modelo será levado à 26ª conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (Cop26), em novembro, como exemplo das boas práticas ambientais do governo.

Manaus é uma Selva de Pedra

Apesar de o modelo Zona Franca contribuir para a preservação da floresta, Manaus ainda é uma Selva de Pedra. Há poucos parques na cidade, o asfalto avança todos os dias e os projetos contemplam vegetação rasteira que nada contribuem. A Capital Ecológica do Brasil é Curitiba e Manaus não aparece nem entre as dez cidades mais arborizadas do Brasil.

Educação indígena

O prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), enviou à Câmara Municipal uma mensagem que traz ampla reforma na educação indígena da capital. A prefeitura quer regularizar a categoria de Escola Indígena Municipal, os cargos de profissionais de Magistério Indígena e promover a regularização dos Centros Municipais de Educação Escolar Indígena, que passarão a ser denominados de Espaços de Estudos da Língua Materna e Conhecimento Tradicionais Indígenas.

Mutirão da segunda dose

Com um contingente de quase 200 mil pessoas que abandonaram o ciclo de imunização e não compareceram para a segunda dose da vacina contra a Covid-19, Governo do Estado e Prefeitura de Manaus promovem amanhã (28) e domingo (29) o “Mutirão da Segunda Dose”, com mais de 100 postos de atendimento, em Manaus. O objetivo é vacinar pelo menos 150 mil pessoas, acima dos 40 anos, que se vacinaram até o dia 28 de junho e que tomaram a AstraZeneca.

Governo lança +Cultura

Depois do +Educação, o governador Wilson Lima lança, nesta sexta-feira (27), o programa +Cultura, que reúne um pacote de ações para aquecer o setor da cultura e economia criativa. O primeiro projeto é o 1º Festival de Circo do Amazonas.

Festival do Alto Solimões

A Rádio Nacional do Alto Solimões, emissora da Empresa Brasil de Comunicação (EBC) está com inscrições abertas para o Festival de Música da Nacional do Alto Solimões, até o dia 24 de setembro. O festival reúne talentos musicais da Tríplice Fronteira entre Brasil, Colômbia e Peru. Obras musicais inéditas podem concorrer no Festival que revela cantores, compositores, instrumentistas e arranjadores e podem ser .em português, espanhol ou idioma indígena. Inscrições pelo link
https://radios.ebc.com.br/festival-de-musica-da-nacional-do-alto-solimoes/2021/08/festival-de-musica-nacional-alto-solimoes-abre-inscricoes.


Compartilhe >
Facebook
Twitter
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *