Prosamim prevê novas casas para 1.061 famílias em 2024

Unidade de Projetos Especiais gerencia a retirada das áreas alagadas

Beneficiários são moradores das comunidades da Sharp e Manaus 2000

A Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE) do Governo do Amazonas informou nesta sexta-feira (19), que vai reassentar 1.061 famílias este ano. Elas sairão de áreas de risco de alagação para ocupar moradias seguras.

As famílias são das comunidades da Sharp, na zona leste, e Manaus 2000, zona sul.

Mais de 2 mil famílias

Segundo o secretário da UGPE, Marcellus Campêlo, em 2023, o programa reassentou 1.190 famílias, com recursos de R$ 109 milhões. Somados aos números previstos para 2024, o Prosamin+ alcançará 2.251 famílias.

“A meta é chegar a 2025 com todas as 2,4 mil famílias reassentadas”, destacou o secretário.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *