Programa de saúde de Presidente Figueiredo entra na plataforma do SUS

Todos os municípios do país poderão acessar o livro

Usuários, profissionais e gestores colaboram com a rede de saúde

O projeto de educação em saúde implementado pela prefeita Patrícia Lopes em Presidente Figueiredo, agora será compartilhado para todos os municípios brasileiros por meio da Plataforma IdeiaSUS Fiocruz.

A publicação, organizada em sete capítulos, dos quais um deles foi traduzido, de forma inédita, para o Guarani, foi lançada na sexta-feira (1º/03), em evento no auditório do Museu da Vida, campus sede da Fiocruz no Rio de Janeiro.

Cadeia de serviços

A secretária municipal de Saúde, Mariane Abreu, explicou que a estratégia foi montada para que o município tivesse um plano municipal de Saúde que contemplasse em suas metas, todas as necessidades da população, o que só poderia ser alcançado se todos os elos da cadeia de serviços públicos de saúde pudessem opinar, contribuir, para que, ao final a equipe soubesse o que e como fazer.

“Trata-se da aplicação da educação permanente em saúde, por meio de oficinas, e da participação de usuários, profissionais e gestores de saúde na construção do Plano Municipal de Saúde, com apoio das conferências locais de saúde. Esse planejamento participativo possibilitou o fortalecimento da participação social, o conhecimento da realidade das unidades de saúde e a construção colaborativa das ações de saúde a partir dos territórios”, explicou.

Compartilhamento nacional

Mariane Abreu lembrou ainda que o reconhecimento da iniciativa de Patrícia Lopes, de elaborar um Plano Municipal de Saúde de forma coletiva, inserida na publicação Plataforma IdeiaSUS Fiocruz, para ser compartilhada com todo o país, pode ser medido diretamente na rede pública de saúde, onde 90% das metas estabelecidas já foram alcançadas, também venceu a 18ª Mostra Aqui Tem SUS, realizada em Campo Grande (MT), em 2022.

“Onze Unidades Básicas de Saúde (UBS) foram reformadas, ampliadas e modernizadas, assim como outras estruturas de retaguarda de saúde do município. Construímos um complexo municipal com laboratório de análise clínicas – o maior do interior do Amazonas – Centro de Fisioterapia, Centro de atendimento Psicossocial, implantamos projetos como Melhor em Casa, Sorriso Legal, iniciamos a construção do novo hospital municipal, com maternidade e Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e a nova central do Serviço Atendimento Móvel de Urgência (Samu), entre outras coisas”, citou Mariane Abreu.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *