Prefeitura adota novas medidas para conter avanço da Covid-19

Arthur Neto anuncia que Semsa vai oferecer 50 mil testes rápidos de Covid-19 em 48 Unidades Básicas de Saúde

Horários de funcionamento das UBss serão ampliados Vão ser contratados mais 290 profissionais de saúde que irão atender quase 50 mil pessoas

O prefeito de Manaus, Arthur Neto (PSDB) anunciou nesta quinta-feira (5) novas medidas adotadas pelo Poder Executivo, para conter o avanço da Covid-19 na capital. As iniciativas vão desde o aumento da oferta de testes rápidos até mudanças de horário nas unidades de saúde, para atender mais pessoas.
A primeira medida anunciada é a ampliação do horário de funcionamento de 18 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) durante os fins de semana e feriados. Elas funcionarão das 8h às 18h. O Centro de Emissão de Declaração de Óbito por Causa Natural em Domicílio também passa a funcionar com novo horário, a partir desta quinta. De segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, exceto feriado, e aos sábados, de 8h às 12h.
Serão oferecidos mais de 50 mil testes rápidos da Covid-19 em 48 UBSs, assim como será feita coleta do teste RT-PCR no pré-natal na Maternidade Moura Tapajóz. O RT-PCR é o padrão para diagnóstico e identifica casos novos que estão entre o 3º e 6º dias da doença. Também está incluída a realização de 4,5 mil testes RT-PCR na população indígena e em sete mil profissionais de saúde da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa).
No sábado (7) começa a vacinação contra a Influenza, para evitar casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave, que envolve sintomas gripais dos vírus da influenza A e B. A prefeitura também vai adquirir mais de três milhões de unidades de medicamentos para o tratamento de sintomas de Síndrome Gripal e Covid-19, e de mais 3,3 milhões de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para os profissionais da saúde.
A Semsa pretende inaugurar as novas instalações do Centro de Especialidade em Reabilitação para pacientes pós-Covid-19 e vai ampliar o número de profissionais, contratando 40 médicos, 80 enfermeiros, 130 técnicos de enfermagem, 30 técnicos de patologia clínica e 10 agentes indígenas de saúde. Também inaugurará três clínicas da família, para atender a população das zonas sul, leste e oeste. As novas unidades devem acompanhar mais de 48.850 pessoas.
No Monitoramento de casos e contatos próximos dos pacientes com Covid-19, a Prefeitura de Manaus vai ampliar o serviço de telemonitoramento, com a incorporação e capacitação de mais profissionais de saúde.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *