Prefeito do Careiro Castanho vai gastar R$ 1,3 milhão com capinagem e varrição

Contrato prevê pagamento médio de R$ 110 mil mensais a empresa que tem cinco meses de existência

O prefeito do município do Careiro Castanho, Nathan Macena (Republicanos), fechou um contrato de R$ 1,3 milhão para contratar serviços de varrição e capinação. O valor foi divulgado no Diário Oficial dos Municípios (AAM), na última sexta-feira (230.
Na publicação, o prefeito do município, localizado a 124 quilômetros de Manaus, assinou a homologação do contrato com a empresa M.A de Souza Eirelli-ME, inscrita no CNPJ 41.362.516/0001-63.
De acordo com o portal da Receita Federal, o CNPJ da M.A. de Souza indica que a empresa tem apenas cinco meses de abertura, estando localizada no bairro Da Paz, no Careiro, e tem capital de R$ 300 mil, valor quatro vezes menor do que o contratado pela prefeitura.
Sobre esse contrato, o chefe do Executivo municipal explicou ao ÚNICO que o contrato visa a manutenção e conservação das vias e espaços públicos de todo o município, que tem pouco mais de 38 mil habitantes. A estimativa, segundo Macena, é que sejam gastos R$ 110 mil ao mês com a limpeza pública. O prefeito afirma que o valor “está dentro do normal para deixar a cidade limpa”.
O prefeito do Careiro Castanho responde a investigações do Ministério Público do Amazonas, desde seu primeiro mandato. Em 2016, por exemplo, foi investigado pelo MPAM por enriquecimento ilícito, com evidente aumento de patrimônio e, por declarar à Justiça eleitoral, naquele mesmo ano, que não possuía bens materiais.
No início deste mês de julho de 2021, um áudio gravado por um traficante do município, Sérgio de Lira Medeiros, conhecido como “Mano S”, vazou para a imprensa. No áudio, o traficante falava com intimidade com o prefeito, acusando-o diretamente de “pegar dinheiro do tráfico” para fazer sua campanha política e de usar o trabalho do criminoso para posteriormente pagar “com cadeia”.

Yasmim Araújo para o ÚNICO


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *