fbpx
24 de novembro de 2021
O Sistema Familiar e seus doramas

Coluna:

Por: Maria Ritah

Maria Ritah é atleta ultramaratonista, apresentadora e produtora do programa Conexão Gaia, da radio Logos FM 87.9. Contato comercial 92-991021957

O Sistema Familiar e seus doramas

doramas

Por Maria Ritah

Esses dias, numa conversa com uma das minhas irmãs sobre questões familiares, ela me perguntou se eu assistia “doramas”. Eu respondi que gostava dos filmes asiáticos, mas não tinha paciência para assistir séries de plataformas streaming. Em resumo, doramas são produções dramatizadas da televisão japonesa. No Japão, a pronúncia da palavra “drama” soa como “dorama”, por isso o nome. (sim eu fui pesquisar a palavra e é o mínimo que quem escreve deve fazer rs*).

Ela sabe que eu sou envolvida com o método de Constelações Familiares, (terapia familiar desenvolvida pelo ex-padre alemão Bert Hellinger que busca a solução de conflitos no sistema), e sugeriu que eu assistisse o dorama “O Rei de Porcelana”.

A série apresenta o emaranhado familiar que o imperador causa ao seu reino ao excluir sua filha. Trocando em miúdos, em “O Rei de Porcelana”, a esposa do príncipe dá à luz a gêmeos, um menino e uma menina, mas isso é considerado um mal sinal. A menina ia ser sacrificada, mas a mãe implora para que sua vida seja poupada e, em segredo, a filha é excluída do império e passa a viver em anonimato em um orfanato.

Como tudo que você exclui, cola em você… ocorre que anos depois, o menino- príncipe gêmeo – acaba sendo assassinado e a rainha busca a filha rejeitada para ocupar o lugar do irmão como herdeiro do trono, sem que a família imperial saiba. Daí, o dorama segue a sua sequência com as mais variadas situações e farsas para manter a família original no poder.

Eu assisti esta série com uma visão sistêmica e achei como é extraordinário a nossa habilidade de aprender a partir de qualquer lugar e eu quero fazer um link com a metodologia das Constelações Familiares.

Tudo que você exclui, cola em você!

De forma geral, o método sistêmico é um forma de ver estes tipos de conflitos, partindo do princípio que todas criaturas vivas do planeta estão interligadas e cada membro de uma comunidade é importante, sendo assim, ninguém pode excluir ninguém. Porque se excluir, a vida vai cobrar o lugar de direito. É bem sistêmico rs*.

Uma das coisas mais significantes que eu aprendi com as constelações familiares são as três leis que regem o sistema. A lei de pertencimento, onde todos são importantes para sobrevivência do grupo.
Na visão sistêmica para que algo flua, todos devem saber o seu lugar e quando você está ocupando um espaço que não lhe pertence, a dor e a doença surgem, esta é a lei que o método relata como a lei da hierarquia.
E a última lei, que rege todo sistema familiar, organizacional, financeiro (sim, isso também tem a ver com o dinheiro, porque o dinheiro causa dor quando é escasso), é a lei do equilíbrio.

Dentro das Constelações Familiares, a lei do equilíbrio surge da necessidade de trocas entre as pessoas ou grupos de indivíduos – seja de alimento, de roupa, de favores, de proteção.

Todos nós nos esforçamos para ser felizes, e eu sei que muitas vezes não é fácil. Tenho certeza que você, como eu, já viveu um amor não correspondido, brigas familiares, sofrimento e decepções. As circunstâncias podem variar e um olhar sistêmico, amplo e para o todo pode ajudar a vida ficar mais leve.

No próximo fim de semana, eu quero te convidar para participar e conhecer o método das Constelações Familiares, por meio do workshop denominado “A História da Dor e das Doenças Crônicas no Sistema familiar”. O professor mineiro e terapeuta de Constelações Familiares, Roberto Firmino vai estar em Manaus dia 27 e 28 para ministrar estudos e vivências na prática desta ferramenta terapêutica que já ajudou milhares de pessoas na cura de suas relações e doenças crônicas da família. Você pode ter a oportunidade única de entender os padrões negativos repetitivos de sua árvore genealógica que prejudicam e bloqueiam sua felicidade e dinheiro. Se permita!

Eu convido você!

Maria Ritah é atleta ultramaratonista, radialista, produtora e apresentadora do programa Conexão Gaia, da rádio Logos FM 78.9. Contato: [email protected] (092) 991021957

Qual sua Opinião?

Confira Também