PRIMEIRA MÃO

O recado da Sefaz para gestores estaduais: “tenham responsabilidade e gastem menos”

Senador Omar Aziz define estratégia para 2023 de olho em 2026

O adeus a Teixeira de Manaus, símbolo de resistência e competência

Disputa animada pela cadeira de Bi Garcia em Parintins

Dengue explode no país e no Amazonas

Juiz do Meio Ambiente cobra eficiência dos órgãos de fiscalização

Amazonas tem 95% dos municípios na lista de “áreas de risco”

Hoje tem concerto e concurso de violino, gratuitos

Por Claudio Barboza e Solange Elias, com editorias do Único

Sefaz dá o tom financeiro para 2024

O setor técnico da Secretaria de Fazenda do Estado, a Sefaz, teve reunião com gestores do estado e deu o tom sobre o orçamento de 2024: gastem menos. A meta é que os empenhos das secretarias se mantenham em 70% do orçamento previsto, ou seja, 30% fica contingenciado.

Em 2023 orçamento foi além

Em 2023 a Sefaz bem que tentou manter o equilíbrio nos gastos do estado, mas houve secretaria que foi além dos 100% que estavam previstos em orçamento. Este ano, a expectativa é que os gastos se mantenham sem exageros. O governador Wilson Lima sabe que é importante o equilíbrio das contas.

A estratégia do senador Omar Aziz

O senador Omar Aziz abre o ano de 2024, com a expectativa de consolidar seu nome como uma das maiores lideranças do Congresso Nacional. Após presidir a CPI da Covid, Omar ganhou a mídia nacional e se tornou num dos senadores mais ouvidos no Congresso Nacional. Em 2024 será o presidente da CPI da Braskem, empresa de mineração apontada como responsável por desmoronamentos em Maceió (AL).

Omar e o governo

Omar mantém o pé no acelerador do Legislativo mas não se descuida de assuntos do Executivo, atuando de forma intensa tanto em Manaus quanto no interior do estado. Mantém articulações diretas com prefeitos, ex-prefeitos e outros que ainda vão virar prefeitos, o que o coloca como candidatíssimo ao governo em 2026.

O adeus ao magistral Teixeira de Manaus

O Amazonas perdeu na quinta-feira (18) um dos seus maiores nomes culturais: o músico, compositor e maestro Teixeira de Manaus. Ele faleceu após uma longa luta contra um câncer.

Robério Braga destaca o talento do artista

O ex-secretário de Cultura do Amazonas, Robério Braga, disse ao ÚNICO: “Ele era maravilhoso. Ainda consegui prestar uma homenagem a ele, no Teatro Amazonas. Foi lindo e grandioso. Deixei lá uma placa em homenagem a ele. Teixeira tocou naquela ocasião com a orquestra Amazonas Band e a do Beiradão. Estou triste. Muito triste”, afirmou.

Homenagens oficiais

Várias autoridades do estado divulgaram notas sobre a importância de Teixeira de Manaus para a cultura do Amazonas. O vice-governador Tadeu de Souza disse que ele deixa um legado de sabedoria, dedicação e talento. O deputado George Lins e o ex-deputado Belarmino Lins, destacaram que Teixeira foi o grande precursor da chamada Música de Beiradão.

Disputa pela Prefeitura de Parintins

A disputa pela Prefeitura de Parintins promete ser intensa. Estão pré-candidatos a vereadora Brena Dianná, os vereadores Massilon Cursino e Telo Pinto, além de Mateus Assayag e a ex-primeira dama do município, Michele Valadares. Nos bastidores, os comentários indicam que o prefeito Bi tem preferência por Mateus Assayag.

Dengue volta com força

Oito estados e o Distrito Federal começaram o ano de 2024 com aumentos de cerca de 100% dos casos de dengue, comparando com o mesmo período do ano passado. O ranking do Ministério da Saúde mostra que a situação é mais grave no Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná, mas o Amazonas é o sétimo da lista.

Quase mil casos

De acordo com o levantamento, o Amazonas teve neste ano, 890 casos de dengue a mais que no ano passado, nos primeiros 15 dias do ano. Não é pouco e justifica o alerta que as autoridades de saúde estão emitindo desde o final do ano passado, para que a população ajude no combate aos mosquitos.

Municípios nas áreas de risco

O Governo Federal fez um levantamento detalhado sobre 1.942 municípios brasileiros que vivem, viveram ou estão sob risco de desastres naturais. Entre eles, 59 dos 62 municípios do Amazonas foram listados, o que significa 95% das cidades amazonenses.

Barranco deslizou em Beruri, em 2023 (Foto: CBMAM)

Recursos para obras

Esse levantamento vai nortear a liberação de recursos para obras como contenção de encostas, drenagem, desassoreamento, controle de cheias, etc.

Eventos grátis de violino

Nesta sexta-feira (19) o Encontro Nacional de Violinistas, que acontece em Manaus, vai oferecer dois eventos gratuitos para o público manauara, ambos no Palácio da Justiça: o primeiro é uma seletiva do concurso de violinos, às 18h30 e, logo em seguida o Concerto da Orquestra de Câmara de Rorainópolis.

FALE CONOSCO

Solange Elias (EDITORA)
(92) 99105-7388

Guilherme Martins (TI/COMERCIAL)
(92) 98638-5707

CEO: Claudio Barboza
(92) 99116-1777


Compartilhe >
Facebook
Twitter
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *