Nova superintendente de Agricultura e Pecuária no Amazonas defende o agronegócio com desenvolvimento sustentável

Dionísia Campos é a primeira mulher a assumir o cargo em 163 anos

A febre aftosa é um desafio a ser vencido no Amazonas

Alessandra Lippo para o ÚNICO

A médica veterinária Dionísia Soares Campos assumiu o cargo de superintendente de Agricultura e Pecuária no Amazonas, autarquia vinculada ao Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa), do Governo Federal.


Dionísia é a primeira mulher nomeada como superintendente do órgão em 163 anos do Mapa. Ela tomou posse em solenidade realizada na sexta-feira (23) na Assembleia Legislativa do Amazonas.
Em seu discurso de posse, nomeou produtos produzidos no estado e seus respectivos municípios de origem, destacando os “gargalos” que dificultam o pleno funcionamento da cadeia produtiva.
“Produzir alimentos no estado do Amazonas é um ato de coragem. Muitos são os desafios do agronegócio na nossa região. Principalmente, tendo de aliar os compromissos de preservação da floresta Amazônica ao desenvolvimento sustentável e a segurança alimentar do nosso povo. Que possamos enxergar sempre o produtor rural como protagonista que motiva a nossa atuação, melhorando as condições de trabalho daqueles que materializam a produção rural no nosso estado. Precisamos investir e fomentar a agricultura familiar sobre diversos aspectos. Devemos apostar em tecnologias com baixa emissão de carbono, buscando uma transição tranquila da agricultura tradicional para a agricultura orgânica”, enfatizou Dionísia.

Terá que enfrentar a febre aftosa

O primeiro grande desafio à frente da superintendência é a erradicação da febre aftosa. Conforme dados da Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado do Amazonas (Adaf), atualmente, em apenas 13 municípios amazonenses e um parcialmente, os rebanhos foram declarados imunes à doença: Apuí, Boca do Acre, Canutama, Eirunepé, Envira, Guajará, Humaitá, Itamarati, Ipixuna, Lábrea, Manicoré, Novo Aripuanã, Pauini e parte do município de Tapauá.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *