Mingau instantâneo: a nova receita da Zona Franca

Startup cria mingau com tapioca, banana pacovã e castanha

Projeto vai para a próxima pauta da Suframa

A startup Amazon Porridge (porridge significa mingau em inglês) apresentou na manhã desta quarta-feira (17), à Suframa, um projeto inovador: o mingau instantâneo com ingredientes provenientes da Amazônia – banana, castanha e tapioca.

A proposta deverá entrar na pauta da próxima reunião do Conselho de Administração da Suframa (CAS), agendada para o dia 28 de fevereiro.

O idealizador da novidade que almeja conquistar paladares e impulsionar a economia local, inclusive no âmbito da merenda escolar – é o fundador e CEO da Amazon Porridge, Vanilson Costa.

Receita infalível

O mingau é elaborado a partir de banana pacovã verde e madura, castanha da Amazônia e farinha de tapioca.

Segundo seu criador, o alimento foi elaborado não para ser apenas uma opção alimentar prática e saborosa, mas também um representante autêntico da cultura amazônica.

Inspiração para inovações

O superintendente da Suframa, Bosco Saraiva, elogiou a iniciativa e expressou o desejo de que o mingau instantâneo da Amazônia não apenas conquiste consumidores, mas também abra portas para inspirar outras inovações baseadas nos ricos recursos da região.

“É uma opção que não apenas alimenta, mas também oferece nutrientes autênticos da região e promove a inovação na culinária regional. Essa abordagem demonstra um compromisso com a singularidade e a identidade da Amazônia”, elogiou.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *