Médicos retomam imediatamente 100% dos serviços de saúde do estado

Acordo foi firmado com governador Wilson Lima

Governo do Estado diz que estabeleceu cronograma para pagamento de setembro a dezembro

Representantes das empresas médicas prestadoras de serviço para a rede pública de Saúde retomaram 100% dos atendimentos nas unidades estaduais de Manaus e interior.
A decisão acontece após acordo firmado com o governador Wilson Lima, nesta quinta-feira (7). Os médicos aceitaram a proposta oferecida pelo executivo estadual e um cronograma para o pagamento de repasses pendentes foi estabelecido.

Quem esteve na reunião

Participaram da reunião 15 representantes de empresas médicas que atuam na rede estadual de Saúde, além dos deputados estaduais Mayara Pinheiro, George Lins e Dr. Gomes, que integram a Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa do Amazonas e o líder do governo na Casa Legislativa, Felipe Souza.
O governo informou que no dia 5 de dezembro o Estado havia quitado parte dos pagamentos referentes ao mês de agosto de 2023. Segundo proposta apresentada pelo govenador, os repasses de três empresas que haviam ficado de fora desse primeiro pagamento serão liquidados no dia 14/12.
Os repasses referentes ao mês de setembro serão quitados no dia 21 de dezembro. Os valores correspondentes aos pagamentos pendentes dos serviços prestados no mês de outubro serão liquidados no dia 21 de janeiro.

Pagamentos pendentes

Em relação aos meses de novembro e dezembro de 2023, o governador destacou que será preciso avaliar a previsão de receita do Estado para 2024 e pré-estabeleceu novas reuniões nos meses de janeiro e fevereiro para discutir possíveis datas.
Wilson Lima se comprometeu, a sanar pendências financeiras com as empresas médicas dos anos de 2021 e 2022 a partir de março de 2024, parcelado os valores em cinco vezes.
“O Estado do Amazonas teve dificuldades nesse período de estiagem severa, isso comprometeu muito a arrecadação e algumas previsões que haviam sido feitas. A gente reuniu aqui com as cooperativas para estabelecer um cronograma de pagamento para que esses profissionais para que esses profissionais possam receber esses proventos, esses salários”, explicou Lima.

Médicos comentam sobre o acordo

Representantes da categoria, comentaram a reunião com o governador:
“Agradecemos ao governador, que nos recebeu e foi possível apresentar as nossas demandas. Ouvimos tudo o que o governo poderia fazer nesse primeiro momento e assumimos o compromisso de retorno às nossas atividades ambulatoriais e eletivas “, disse o clínico geral Victor Hugo Barros.

A neurocirurgiã Cecília Granjeiro destacou o resultado positivo do encontro. “Realmente, a reunião foi muito positiva, conseguimos conversar de uma forma muito tranquila, muito proveitosa e chegamos também a um acordo final”.
A deputada Mayara Pinheiro, disse que a resposta dada aos profissionais contribuiu para que o impasse fosse solucionado.
“O importante é que o governador, que é o chefe maior do Estado, está chancelando esse compromisso, que prontamente foi acatado pelas cooperativas, e agora a população vai ter de novo esses trabalhadores que são de suma importância na assistência de saúde para a população”, disse Pinheiro.
Os secretários estaduais Anoar Samad (Saúde), Flávio Antony (Casa Civil) e Sérgio Litaiff (de Governo) também estiveram na reunião junto a técnicos da Secretaria de Fazenda, designados pelo secretário de Estado Fazenda, Alex Del Giglio, que trabalhou na construção das condições orçamentárias para o estabelecimento do cronograma de pagamentos.
O secretário de Saúde, Anoar Samad, reforçou o reestabelecimento total dos atendimentos. “Eles já estão voltando imediatamente. Esse é o compromisso deles. O governador também sempre procura estar em diálogo e nós conseguimos achar uma solução”, finalizou.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *