Ibama apreende 3 barcos e um flutuante no rio Jutaí, usados no garimpo

Operação Ágata vasculha os rios da Amazônia contra crimes ambientais

Diesel, gasolina, armas, dinheiro e maquinário de garimpo foram apreendidos

A Operação Ágata – uma força tarefa do governo federal que envolve a Marinha do Brasil (9º Distrito Naval/AM), Censipam, ABIN, Funai e o Ibama – apreendeu três embarcações e um flutuante utilizados para transporte ilegal de carga e garimpo ilegal na foz do rio Jutaí, no município de Jutaí (a 750km de Manaus) e uma grande quantidade de combustíveis que iria abastecer os acampamentos de garimpeiros na região.
Foram apreendidos um barco motor tipo regional, uma balsa com óleo diesel marítimo e uma embarcação de alumínio.
Os integrantes da Força-Tarefa encontraram dinheiro em espécie, armamento e munição a bordo do flutuante, além de motores e bombas utilizadas para a extração de seixo e máquinas separadoras de mercúrio e ouro.
Segundo o Ibama, a quantidade de combustíveis apreendida – 70 mil litros de óleo diesel e 2.500 litros de gasolina – seria capaz de sustentar os geradores de energia elétrica de 20 embarcações de garimpo por um mês. As multas aplicadas totalizam o valor de R$ 49.500,00.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *