Greve no Curso de Administração da Ufam

Técnicos do curso paralisaram atividades

Paralisação começou nesta segunda-feira (18)

O setor administrativo do Curso de Administração da Universidade Federal do Amazonas entrou em greve nesta segunda-feira (18), conforme comunicado do Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Superior do Amazonas ( Sintesam).

A comunicação do sindicato foi endereçada ao reitor da UFAM e a todos os diretores de unidades. A nota diz o seguinte: “Os técnicos-administrativos em educação desta Universidade, reunidos em Assembleia Geral da categoria no dia 11 de março de 2024, decidiram deflagrar greve a partir das 00h de março de 2024”.

Diz que o Comando de Greve foi instalado e solicita que seja instalada a mesa de negociação da greve. Quem assina a nota é o diretor-geral do Sintesam, Diego Castro Squinello. A nota não informa sobre as reivindicações e o motivo da paralisação.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *