fbpx

Governo paga Fundeb a mais de 26 mil trabalhadores da Educação

Saiu nesta terça-feira (29) o rateio do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) a 26,7 mil professores, pedagogos e administrativos da rede pública estadual, pagos pelo Governo do Estado. Ao todo, foram rateados cerca R$ 142,6 milhões em forma de abono salarial com valores de R$ 4 mil a R$ 12 mil, dependendo do tipo de vínculo com a secretaria.
Para garantir o pagamento de abono a todos os servidores da Educação, as despesas correrão à conta das dotações do próprio Fundeb, observados os limites fixados pela Lei nº 11.494/2007, e de recursos próprios do Tesouro Estadual. Decreto assinado pelo governador Wilson Lima autoriza essa complementação financeira do Estado.
Para os professores e pedagogos, o abono também será quitado em parcela única, no valor de R$ 4 mil para cada 20 horas de trabalho. Isso significa que profissionais com vínculo de 40 horas receberão R$ 8 mil, e aqueles com vínculo de 60 horas, R$ 12 mil. Os administrativos receberão parcela única de R$ 4 mil.
O secretário de Educação em exercício, Luis Fabian Barbosa, diz que o abono é uma forma de celebrar os esforços feitos por todos os profissionais da Educação em um ano cujos desafios foram ainda maiores.

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.