Fundação PFtech concorre ao Prêmio Jaraqui Graúdo, na categoria Inovação

Premiação é voltada para iniciativas digitais em Manaus

Seleção será feita durante a Bio&Tic, na próxima semana

A Fundação Desembargador Paulo Feitoza, FPFtech, é uma das finalistas do Prêmio Jaraqui Graúdo na categoria Instituto de Inovação. Para o CEO da Fundação, Luís Braga, a indicação é o reconhecimento de 25 anos de trabalho, reforçando a posição como um player importante no ecossistema tecnológico da Amazônia.
“Esta indicação destaca não apenas a nossa longevidade como empresa, mas também a nossa capacidade contínua de inovação e adaptação às mudanças no cenário tecnológico. Isso reforça a nossa posição como um player importante no ecossistema local, reconhecido por contribuir para o avanço tecnológico na Amazônia”, ressaltou.

O prêmio

O Prêmio Jaraqui Graúdo, realizado pela comunidade Jaraqui Valley, ocorrerá no próximo dia 29, durante a Expo Amazônia Bio&TIC. Em sua 8ª edição, a premiação reconhece personalidades e iniciativas voltadas para negócios digitais e inovação em Manaus, abrangendo 18 categorias.
O processo de premiação envolve três fases, incluindo votação popular, comitê avaliador composto por 36 influentes no meio regional e nacional, e a seleção dos vencedores entre os TOP 3 em cada categoria. Entre os finalistas da categoria Instituto de Inovação estão o Sidia, FPFtech, ICTS e Conecthus.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *