Feira de Tecnologia e Inovação em Manaus, apresenta aplicativos criados por estudantes

Projetos que resultaram em soluções para a inclusão social e respostas práticas para problemas da sociedade, incluindo pessoas que sofrem com transtorno do espectro autista, foram apresentados nesta quarta-feira, (11), durante a I Feira de Tecnologia e Inovação pelos alunos da Fundação Matias Machline (FMM).

É a primeira vez que a FMM realiza uma feira aberta ao público. A expectativa é que mais de 5 mil pessoas, entre ex-alunos, familiares, universitários, empresários e sociedade em geral tenham participado do evento.

Aplicativos podem ajudar crianças

Entre os projetos criados pelos alunos, destacaram-se a criação de três aplicativos. Um auxilia pais e professores na comunicação com crianças com transtorno do espectro autista (Tea), outro usa aplicação móvel com o uso de Jogos para ajudar o desenvolvimento de processos cognitivos de crianças 6 à 12 anos de idade com Síndrome de Down, além de um terceiro aplicativo que facilita o ensino da fauna amazônica para crianças através da realidade virtual visando a conscientização ecológica e preservação das espécies.

A Diretora de Ensino e Pesquisa da FMM, Nancy Cavalcante, disse que a I Feira de Tecnologia e Inovação chama a atenção pela qualidade dos trabalhos apresentados pelos alunos.

“O evento é uma oportunidade para as pessoas conhecerem o trabalho realizado na Fundação, que é uma referência em educação inovadora, tecnológica e sustentável no Amazonas”, afirmou.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *