Escola de Tempo Integral Áurea Braga recebe palestra musical da “Série Rio Negro”

Palestra “Conhecendo a família das cordas”, acontece nesta sexta-feira (01)

Projeto visa promover acesso à cultura; inclusão social e oportunidade de emprego e renda

A Escola Estadual de Tempo Integral Áurea Pinheiro Braga, na avenida Brasil, Santo Agostinho, recebe nesta nesta sexta-feira (01), às 14h, a palestra “Conhecendo a família das cordas, suas histórias e curiosidades”, do projeto social Série Rio Negro Concertos Sinfônicos. A palestra será conduzida pelo violonista Giovanny Conte, acompanhado do Quinteto da Pró-Cultura que vai apresentar algumas obras de Mozart e da música brasileira, bem como algumas curiosidades sobre os instrumentos clássicos.
“Nós vamos mostrar, por exemplo, que violino pode ser tocado em outros ambientes ou ritmos como música latina, ou que dá para usá-los na música eletrônica. O que queremos é quebrar o mito que instrumentos clássicos só servem para música clássica”, explicou Conte.


O violinista Giovanny Conte é fruto da política cultural pública no Amazonas. O músico aprimorou a formação na Academia Nacional de Música da Bulgária, se apresentando em diversos países. Atualmente faz parte da Amazonas Filarmônica, da Orquestra de Câmara do Amazonas e agora, da Pró Cultura do Amazonas.

Série Rio Negro

O programa é composto de quatro concertos gratuitos e três palestras musicais em escolas públicas da capital amazonense. A abertura ocorreu, dia (06.09), no Teatro Amazonas. O segundo concerto no dia (21.10) e o terceiro concerto no (18.11), ambos realizados no Teatro ICBEU. O encerramento da primeira temporada da Série Rio Negro no Teatro Amazonas, está marcado para o dia 28 de dezembro, com o concerto de fim de ano.


As palestras foram realizadas na Escola Estadual Diana Ribeiro, no bairro de Educando, na EETI Petrônio Portela, no bairro Dom Pedro e agora, a terceira e última palestra da temporada, na EETI Áurea Pinheiro Braga.

Pró Cultura do Amazonas

A Orquestra Pró Cultura do Amazonas possui uma configuração com 50 componentes. A criação oficial da Orquestra Pró Cultura do Amazonas ocorreu em 2019, tendo o maestro Rubens Claudio de Souza, como o diretor artístico e regente titular dos instrumentistas. O grupo nasceu com o intuito de criar oportunidades aos novos músicos em início de carreira, com a participação de músicos renomados.

Incentivo à Cultura

O projeto “Série Rio Negro” é realizado através da “Lei de Incentivo à Cultura”, Ministério da Cultura, com o patrocínio master da Atem Distribuidora.


O patrocínio cultural é do Instituto Cultural Brasil – Estados Unidos (ICBEU-Manaus). Além do patrocínio, o ICBEU é parceiro do projeto, a Pró Cultura do Amazonas é uma orquestra residente do Instituto.


A Série Rio Negro tem apoio cultural da TV Encontro das Águas, Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Amazonas, do Governo do Amazonas e do Centro de Artes da Universidade Federal do Amazonas (CAUA). A realização é da Procult/Guerra Produções Culturais. Entre os principais objetivos: promover acesso à cultura; inclusão social e oportunidade de emprego e renda em Manaus.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *