Erosão ameaça ruas e casas na orla de Parintins e prefeito decreta emergência

🔴 Desmoronamento atinge uma das áreas mais badaladas da cidade

🔴 Trabalhos começaram com a utilização de balsas

O prefeito Bi Garcia (PSDB) decreto nesta terça-feira, (14), “situação de emergência” pelo prazo de 90 dias em Parintins podendo ser prorrogado por até 180 dias, por causa do aumento da erosão que vem causando rachadura no muro de contenção da orla da cidade de Parintins (a 366 quilômetros de Manaus), ameaçando ruas e casas na área.


O Diário Oficial do Município (DOM) divulgou a informação sobre os deslizamentos de terra na orla da cidade que começa desde o Porto de Parintins e vai até o matadouro municipal, além de alcançar parte de um bar até o início da rua Senador Álvaro Maia; da escadaria praça São Benedito até a Cidade Garantido.

Muros ameaçam desabar

Como conseqüência das rachaduras dos muros de contenção da orla da cidade (trecho entre a rua Caetano Prestes até a rua Senador Álvaro Maia), vem causando a obstrução de ruas causando transtornos no município.


O decreto publicado está baseado no parecer técnico da Defesa Civil que alerta sobre a necessidade de ser atendida a população em geral do município de Parintins.


A partir da declaração da situação de emergência, o decreto define que os órgãos municipais atuem em conjunto com a Coordenadoria Municipal da Defesa Civil (Condec), nas medidas a serem adotadas, inclusive buscando apoio, quando necessário, junto a comunidade.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *