PRIMEIRA MÃO

Delegado federal diz que narcotráfico investe muito em crimes ambientais

Delegado Humberto Freire, diretor da Polícia Federal para a Amazônia e Meio Ambiente (Foto: JOsé Cruz/Agência Brasil)

Crime Internacional atua cada vez mais na Amazônia”, afirma diretor da PF

Deputado Dan anuncia Centro de Segurança em Tabatinga

Delegada que abriu mão do cargo recebe afagos na Assembleia

Presidente do TRE/AM, João Simões se reúne com o Comitê Civil sobre eleições 2024

Equipes de cuidados paliativos da Amazônia terão mais recursos

Santaella lança novo single nas plataformas, nesta sexta

Alunos do Cláudio Santoro fazem apresentação musical de formatura, hoje

Por Claudio Barboza e Solange Elias, com editorias do Único

As ações do Narcotráfico

O grande incentivador e financiador da criminalidade ambiental do momento é o narcotráfico, segundo disse o delegado da Polícia Federal, Humberto Freire de Barros, responsável pela Diretoria para a Amazônia e Meio Ambiente. A declaração ocorreu no 2º Seminário de Segurança Inovadora, realizado na Assembleia Legislativa do Amazonas. O evento é promovido pela Comissão de Segurança da Assembleia e pela presidência do parlamento e será encerrado nesta sexta-feira (24).

Veja o que disse o delegado federal

“Estamos enfrentando falanges transnacionais, que financiam extração mineral, exploração madeireira e pesca ilegal”, disse o delegado Humberto. Ele mencionou que a principal estratégia de combate a esses crimes será por meio do Centro de Cooperação Policial Internacional da Amazônia, que terá sede em Manaus.

Tabatinga terá Centro Integrado de Segurança

O deputado Comandante Dan, presidente da Comissão de Segurança da Assembleia, informou durante o seminário, que Tabatinga terá um Centro Integrado de Operações de Fronteira, a ser integrado ao Centro de Cooperação Policial Internacional. “Esse Centro de Tabatinga nasce de um pedido que apresentei ao Secretário Nacional de Segurança Pública, do Ministério da Justiça”, disse.

Deputados apoiam delegada

A delegada da Polícia Civil do Amazonas, Joyce Coelho, que entrou em rota de colisão com a deputada Débora Menezes na semana passada, chegando a colocar o cargo à disposição, tem recebido muitos afagos em pronunciamentos de deputados. Até mesmo de dois figurões da bancada do governo: João Luiz (Republicanos) e Alessandra Campelo (União Brasil).

Reunião no TRE-AM sobre eleições

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral, desembargador João Simões, reuniu-se nesta quinta-feira (23) com a coordenação do Comitê Amazonas de Combate à Corrupção. O encontro destacou a relevância da colaboração entre a Justiça Eleitoral e entidades da sociedade civil na realização das eleições municipais de 2024.

Recursos para equipes médicas

O Ministério da Saúde anunciou que os investimentos destinados a equipes médicas de cuidados paliativos (EMCP) será 30% maior em estados da Amazônia Legal. “Reconhecendo as particularidades da nossa região amazônica, para os estados que compõem a Amazônia Legal há um acréscimo de 30% nesses valores”, disse o secretário
A Amazônia Legal engloba os estados do Amazonas, Acre, Rondônia, Roraima, Pará, Maranhão, Amapá, Tocantins e Mato Grosso.

Lançamento de Santaella

*“Será Que Já É Amor?” é o nome da nova música que o cantor e compositor amazonense Santaella lança nesta sexta-feira (24), em todas as plataformas digitais (Spotify, Apple Music, Deezer, YouTube Music, Amazon Music e Tidal).

Formatura na música

Nesta sexta-feira (24) os formando do Núcleo de Música do Liceu de Artes Cláudio Santoro fazem uma apresentação especial de formatura. Haverá performances de piano, violino, trompete, clarinete, teclado, flauta transversal e violoncelo. No Palácio da Justiça, das 17h às 21h, com entrada gratuita.

FALE CONOSCO

Solange Elias (EDITORA)
(92) 99105-7388

Guilherme Martins (TI/COMERCIAL)
(92) 98638-5707

CEO: Claudio Barboza
(92) 99116-1777


Compartilhe >
Facebook
Twitter
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *