David anuncia investimento de R$ 15 milhões para construção do T7

Prefeito assinou a ordem de serviço para início das obras nesta quinta

Novo terminal vai atender também moradores da zona rural

O prefeito de Manaus assinou, nesta quinta-feira (11), a ordem de serviço para a construção do Terminal de Integração 7, o T7, que será localizado na avenida Torquato Tapajós, esquina com avenida do Turismo, bairro Tarumã-Açu, próximo ao complexo viário Lydia da Eira Corrêa. O investimento no novo espaço será de R$ 15 milhões e vai beneficiar mais de 45 mil pessoas por dia.
“O Implurb (Instituto Municipal de Planejamento Urbano) já liberou o licenciamento de 2 milhões e 200 mil metros de obras, sendo que a grande maioria dessas obras é de empreendimentos, condomínios, nas zonas Oeste e Norte. Esse ponto é um local estratégico, onde teremos a oportunidade de sairmos em linha reta do Terminal 1, que é o do Centro, até aqui. Futuramente, com a construção do complexo viário da Arena da Amazônia, faremos esse percurso sem um sinal. Com isso, teremos esse modal do transporte coletivo em perfeito funcionamento, garantindo assim uma maior agilidade para a população”, enfatizou David.

Viagens mais rápidas

A partir do Terminal 7, as viagens serão mais rápidas pelo corredor viário, proporcionando maior agilidade aos usuários do transporte coletivo local. Conforme estudo técnico e levantamento realizado pelo Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), atualmente trafegam pelo trecho cerca de 20 linhas de transporte coletivo, atendendo uma média diária de 45 mil passageiros. David Almeida destacou também que o novo terminal de integração será fundamental para os moradores das comunidades instaladas no decorrer da BR-174 e AM-010.
“A construção do T7 neste ponto é necessária também para atender a demanda dos moradores da zona rural de Manaus na BR-174. Agora, eles podem pegar um ônibus, vir até aqui e pegar outro que ligue até o Centro. Além disso, com a construção do anel viário Sul, do antigo Café da Joelza até o Sivam, ele já vem pela avenida Pedro Teixeira, segue até aqui e pode ir até a nova rodoviária, que será construída onde está localizado agora o T6, no conjunto Viver Melhor. Assim, conseguimos ligar com uma maior eficiência todas as zonas da cidade de Manaus”, concluiu o prefeito.

Crescimento da capital

O diretor-presidente do IMMU, Paulo Henrique Martins, explicou que o novo terminal vai resolver um problema no transporte coletivo da cidade que surgiu com o crescimento dos bairros próximos ao longo da avenida Torquato Tapajós. “A cidade de Manaus está crescendo, principalmente para este lado. Assim, essa nova construção vem ao encontro do planejamento da Prefeitura de Manaus”, apontou.

Estrutura

O terminal será composto por duas plataformas, sendo uma para articulado e convencional e uma apenas para veículos convencionais, que irão realizar viagens dos bairros ao terminal (as chamadas linhas alimentadoras) e do bairro em direção ao centro da cidade (as linhas troncais). O projeto inclui guarita, sala dos motoristas, sanitários feminino, masculino e para pessoas com deficiência, salas da Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp), do Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros do Amazonas (Sinetram) e da Guarda Municipal, visando o reforço e segurança da região.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *