Cunhã do Caprichoso será o primeiro item “carbono neutro” da história

Marciele Albuquerque vai compensar emissões de carbono com plantio de árvores

Projeto é desenvolvido com o Idesam

A cunhã poranga do Boi Caprichoso, Marciele Albuquerque, vai ser o primeiro item “carbono neutro” da história do Festival Folclórico de Parintins. Em parceria com o Idesam (Instituto de Desenvolvimento da Amazônia), a bela vai realizar processo de carbononeutralização de suas atividades.

Em outras palavras, desde janeiro deste ano, o Idesam está monitorando Marciele para medir as quantidades de emissões de carbono da dançarina até a conclusão do festival, no dia 30 de junho.

O levantamento das emissões é feito a partir do consumo de energia elétrica e deslocamentos terrestre e aéreo.

Neutralização do carbono

Com tudo somado, Marciele Albuquerque e o Instituto vão “neutralizar” o que ela emitiu por meio do plantio de árvores, na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Uatumã. A quantidade de mudas é relativa à quantidade de carbono emitido, portanto, a carbononeutralização.

“Minha relação com a natureza vem de casa, aprendi com minha família. Eu sou filha da terra, sou munduruku e a Amazônia me inspira! Este ano, minha parceria com o Idesam tem algo que cabe no momento que estamos vivendo, de emergência climática: ser o primeiro item carbono neutro do Festival de Parintins é minha evolução dentro e fora da arena. Com esse tipo de ação, todos saem ganhando”, comemorou Marcielle Albuquerque.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *