Covid-19 entre os funcionários leva a Azul a cancelar voos em Manaus

Chegadas e partidas tiveram datas e horários alterados

Leitores do Portal ÚNICO enviaram reclamação de cancelamento sem aviso

A empresa Azul Linhas Aéreas alterou a maioria de seus voos no país, em função de muitos casos de Covid-19 entre seus tripulantes. Uma nota divulgada ontem pela companhia informa que “registrou um aumento no número de dispensas médicas entre seus tripulantes” e que todos os voos do mês de janeiro precisaram ser cancelados e/ou reprogramados.
Leitores reclamaram ao Portal ÚNICO nesta sexta-feira (7) que o cancelamento dos voos – de partida e de chegada – em Manaus não tem sido avisado aos passageiros. “Os voos começaram a ser cancelados na quarta-feira (5)”, disse um dos reclamantes.

Presa em São Paulo

O Portal G1 publicou que na quinta-feira (6) pelo menos cinco voos da Azul foram cancelados no aeroporto Viracopos, em Campinas. Em um deles estaria a professora Larissa Zurra, que embarcaria de Campinas para Manaus na noite de quinta, mas acabou ficando presa em São Paulo até amanhã (8).
Larissa disse que além do remanejamento da viagem para sábado, os usuários não receberam nenhuma comunicação de cancelamento e também não foram informados se vão ter apoio da empresa aérea para ficar mais dois dias na cidade.
“Eu moro no interior do Amazonas. Você se programa com valor de dinheiro para retornar. Tem compromisso na minha cidade que eu preciso cumprir e o que eu vou fazer? Até agora, não tenho nenhuma informação”, disse a professora.
Além do voo de Larissa para Manaus, o telão do saguão de Viracopos mostrava na tarde da quinta mais quatro partidas canceladas: Juazeiro do Norte (CE), Belo Horizonte (MG), Recife (PE) e Brasília (DF).

Nota da Azul

“A Azul informa que por razões operacionais alguns de seus voos do mês de janeiro estão sendo reprogramados. A companhia registrou um aumento no número de dispensas médicas entre seus Tripulantes – casos esses que, em sua totalidade, apresentaram um quadro com sintomas leves – e tem acompanhado o crescimento do número de casos de gripe e covid-19 no Brasil e no mundo. É importante ressaltar que mais de 90% das operações da companhia estão funcionando normalmente e que os Clientes impactados estão sendo notificados das alterações, reacomodados em outros voos da própria companhia e recebendo toda a assistência necessária conforme prevê a resolução 400 da Anac”.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *