Conheça 10 invenções da NASA que você usa todo dia

Agência espacial criou diversas tecnologias de hoje

Do mouse ao GPS, tudo foi usado nas pesquisas espaciais

Muitos dos objetos de alta tecnologia que você usa hoje, no dia a dia, e nem nota ou não sabe a origem, nasceram nas pranchetas da Agência Espacial dos Estados Unidos, a NASA.

No entanto, uma dúvida pode surgir: “Qual é a relação entre astronautas, foguetes, planetas e objetos como um aspirador de pó ou um mouse para computador?” E a resposta para esta pergunta é simples: a pesquisa científica demanda constantemente novas ferramentas para aprimorar seus estudos.

Confira as invenções do dia a dia:

Câmera para celular

Na década de 1990, uma equipe do Laboratório de Propulsão a Jato (JPL) trabalhou para criar câmeras com qualidade científica e pequenas o suficiente para caber em espaçonaves.

GPS de alta precisão

Desenvolvido nos anos 1970, o sistema de posicionamento global, mais conhecido
pela sigla GPS, foi uma importante invenção, mas que ficou ainda melhor com a NASA, que, na década de 1990, criou um software para corrigir erros nos dados transmitidos na rede global de receptores de GPS.

Calçados atléticos

Neste caso, em particular, a fala de Neil Armstrong, sobre “um enorme salto para a humanidade” vem totalmente a calhar. Os tênis Nike Air não existiriam se não fosse pela tecnologia de construção de trajes desenvolvida pela NASA.

Aspirador portátil

A NASA abordou a Black & Decker para desenvolver um dispositivo leve para
coletar amostras na lua. A empresa então usou tal tecnologia para criar o
Dustbuster em 1979. O aspirador portátil obteve sucesso imediato – vendendo mais
de um milhão de unidades no primeiro ano. Barato, leve e conveniente, foi projetado para limpezas rápidas de sujeira e respingos superficiais.

Lentes resistentes a arranhões

Também devemos à agência espacial norte-americana a possibilidade de optar por lentes resistentes a arranhões em nossos óculos. Para evitar, por exemplo, que pó e partículas pudessem danificar as viseiras dos capacetes dos astronautas, a Nasa desenvolveu um processo para criar lentes anti-riscos.

Espuma de memória

Quem nunca viu para vender, ouviu falar ou mesmo tem um famoso “travesseiro da
Nasa”? A tecnologia desse produto é consequência de um material criado na década de 1970. A incrível espuma com elevada dissipação de energia,
chamada viscoelástica, foi criada com o intuito de ajudar a tornar os assentos dos
pilotos de aviões mais confortáveis. Quando a patente passou a ser de domínio público, ganhou o mercado de travesseiros, colchões e acessórios esportivos.

Fones de ouvido sem fio

A NASA, sendo uma das precursoras da tecnologia de comunicação, desenvolveu os fones de ouvido wireless para permitir que os astronautas ficassem com as mãos livres.

Mouse de computador

Na década de 1960, um pesquisador da NASA estava tentando tornar os
computadores mais interativos quando foi sugerida uma ideia sobre a melhor forma
de manipular dados na tela do computador, o que levou a criação do mouse.

Próteses artificiais

As inovações da Nasa em materiais de absorção de choque, juntamente com
atividades robóticas e veiculares, ainda são adaptadas para criar próteses
de membros artificiais funcionalmente mais dinâmicos.

Computador portátil

O computador de bordo portátil foi criado adaptando o GRiD Compass, o primeiro laptop portátil desenvolvido pela Nasa. Durante sua criação, o hardware e o software tiveram que ser modificados, o que impulsionou o mercado comercial.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *