Combate ao crime organizado cria tensão em Borba

Moradores do município especulam sobre possível operação

Ação seria realizada pelo Ministério Público Estadual

Quando os moradores de Borba achavam que a cidade entraria em clima de calmaria após a libertação pela Justiça Federal e retorno do prefeito Simão Peixoto ao município, no sábado (13), um forte rumor de nova operação, agora do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público do Amazonas, passou a gerar temor entre a população.

Segundo informações que chegam das ruas de Borba, a operação, que deve acontecer nesta terça-feira (16), tem até nome: Pano Molhado.

Os nomes dos agraciados com a visita assim como os fatos que desencadearam a possível operação vêm sendo mantidos em sigilo. Matéria em atualização.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *