fbpx

Comando do PDT vem a Manaus para definir candidaturas para 2022

Prefeito David Almeida chega a Brasília para encontro com Bolsonaro

Arthur diz que aproveitou prévias do PSDB para colocar Amazônia na pauta nacional

Detran de Wilson Lima atrapalha trânsito com blitz caça níquel

Hoje tem mais de 50 pontos de vacinação abertos em Manaus

Operação de retirada dos garimpeiros recomeça hoje com clima tenso em Borba

Por Cláudio Barboza e Solange Elias, com as Editorias do Único

PDT define candidatos no Amazonas

O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, vem a Manaus nesta primeira semana de dezembro. Pauta: definição sobre candidaturas ao governo do Amazonas em 2022 e ao Senado. Uma corrente dentro do PDT local trabalha um nome feminino para o governo, enquanto o ex-deputado estadual Luiz Castro é apontado como provável candidato ao Senado.

David se reúne com Bolsonaro

O prefeito de Manaus, David Almeida, desembarca em Brasília na manhã desta segunda-feira (29), para duas agendas com o presidente da República, Jair Bolsonaro. Na tarde de hoje, o prefeito se reúne com o presidente para tratar da liberação de recursos da ordem de R$ 1,2 bilhão para investimentos na saúde e na infraestrutura de Manaus. Na terça-feira (30), participa do evento de filiação do presidente Jair Bolsonaro ao Partido Liberal (PL).

Secretários acompanham David

Acompanham o chefe do Executivo municipal na comitiva, o chefe da Casa Civil, Tadeu de Souza; o secretário da Semulsp, Sabá Reis; o secretário da Semacc, Renato Júnior e o secretário da Semef, Clécio Freire.

Arthur diz que cumpriu a missão como pré-candidato

O ex-prefeito de Manaus, Arthur Neto definiu sua participação nas prévias do PSDB, realizadas sábado (27): “O importante agora é construirmos a unidade partidária. Foi um momento muito feliz para o PSDB e para cada um de nós (Bruno, Eduardo, João e eu). Encontrei um quadro polarizado, percorri o Brasil sabendo que não ia ganhar, mas fiz o meu trabalho: falei de Amazônia”, disse

As blitz caça níquel do Detran

Numa Manaus que tem um trânsito cada vez pior, o Departamento Estadual de Trânsito,o Detran, do Governo Wilson Lima, insiste na realização de blitz caça níquel em áreas de grande movimento, piorando o que já é ruim. Enquanto isso, caminhões, carretas e caçambas circulam em áreas urbanas sem o menor controle.

Vacinação hoje

De hoje até a próxima sexta-feira (3/12) estarão abertos 52 pontos de vacinação contra a Covid-19, em Manaus. São 41 unidades de saúde nos bairros, três pontos de grande fluxo de pessoas, um na feira da Manaus Moderna, três Centros de Atendimento Integral à Criança (Caics) e um ao Idoso (Caimi) e os shoppings centers Millennium e São José. Na quinta-feira mais seis shoppings entram no circuito.
De acordo com a Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP) até este domingo (28) foram aplicadas 4.976.756 doses de vacina contra a Covid-19 em todo o Estado.

Clima tenso em Borba

Acampados desde sábado no município de Borba, centenas de garimpeiros aguardam a operação das forças nacionais, que deve acontecer ainda hoje. O clima é tenso, porque alguns falam em reagir. Moradores de Novo Aripuanã, Nova Olinda, Autazes, Borba, Manicoré e Humaitá se aglomeram na praça principal, na frente da cidade, de olho nas manobras das embarcações do Exército e das corvetas da Marinha. Existem mais de 100 balsas ancoradas na orla do município Até o fechamento desta coluna, os grupos de WhatsApp informavam que ainda não haviam sido abordados.

Sentido contrário

As forças nacionais estão atuando em duas frentes. Ontem organizaram a saída de Porto Velho descendo o rio em direção a Borba. E de Borba segue outra equipe, subindo para Porto Velho. Quem estiver no meio do caminho, vai ter o equipamento destruído. As embarcações estão caçando inclusive as balsas que foram escondidas em ramais e igarapés afluentes.

Ajuda humanitária

Expulsos de suas balsas só com a roupa do corpo, alguns garimpeiros estão contando com o amparo das prefeituras de Borba e Manicoré, que estão providenciando abrigo e alimentação até que eles possam voltar a seus municípios. Manicoré inclusive está enviando barcos para levar seus cidadãos de volta.
O governo do Estado não moveu uma palha para ajudar ninguém.

Vai ter volta

Nem se iludam os que pensam que essa caçada aos garimpeiros vai acabar com a atividade. A extração mineral no Madeira existe há dezenas de anos e os garimpeiros apenas esperam a “poeira baixar” para retomar os trabalhos. Não há empregos no interior, a pandemia retraiu a economia e milhares viram no ouro, a possibilidade de sustento de suas famílias.

SIGA O PORTAL ÚNICO:
https://portalunico.com/

Facebook:
Facebook.com/portalunico.com

Instagram:
portalunico

Twitter:
@portalunico

FALE COM A GENTE

Solange Elias (EDITORA)
(92) 99105-7388

Guilherme Martins (TI/COMERCIAL)
(92) 99167-0515

CEO: Cláudio Barboza
(92) 99116-1777

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.