Cineteatro Guarany exibe filme ‘perdido’ por quase 100 anos

Documentário ‘Amazonas, o maior rio do mundo’, foi achado em Praga

Obra é do cineasta português radicado em Manaus, Silvino Santos

Neste sábado (18), às 18h30, o Cineteatro Guarany apresenta o longa-metragem de Silvino Santos “Amazonas, o maior rio do mundo”.

A obra de 1918, considerada perdida por quase 100 anos, foi encontrada em Praga, na República Checa em 2018.

O documentário mostra a riqueza da flora e fauna, e o cotidiano e ritos das populações indígenas nas regiões percorridas pela navegação do Rio Amazonas.

A programação é uma realização do Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, em parceria com a Cinemateca Brasileira. A entrada é gratuita.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *