Censo 2022 mostra que 37 cidades do Amazonas “encolheram”

Lábrea é o município que mais perdeu população e vai perder recursos

Confederação Nacional dos Municípios aponta prejuízos para 770 prefeituras

Dos 62 municípios do Amazonas, quase 60%, 37 cidades, tiveram suas populações reduzidas, segundo o Censo 2022 do IBGE, divulgado nesta semana. Outras 20 cidades mantiveram o número de habitantes estável e apenas quatro aumentaram suas populações. Segundo reportagem de Carlos Madeiro, para o site UOL, o município de Lábrea (a 701 km de Manaus), na calha do rio Madeira, será o que mais vai perder recursos federais, por conta da diminuição de sua população.

Fundo de Participação

Os municípios brasileiros recebem do governo federal parcelas do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) e o valor do repasse é calculado com base no número de habitantes. Três cidades encabeçam a lista dos municípios que mais vão perder recursos: Lábrea (AM), Ipixuna do Pará (PA) e Santana do Araguaia (PA).


Os repasses de FPM são a principal receita de 7 em cada 10 cidades do país, principalmente no Norte e Nordeste, segundo estudo divulgado pela CNM (Confederação Nacional do Municípios).

Levantamento

O levantamento da CNM aponta que o Estado com mais cidades que vão perder recursos do FPM nos próximos anos é a Bahia, com 105 municípios na lista. Na sequência, aparece São Paulo, com 93 localidades. Proporcionalmente, a situação é pior na região Norte, onde o Amazonas e Rondônia perderam coeficientes em percentuais próximos a 60%.

IBGE diz estar acostumado

O presidente do IBGE, Cimar Azeredo Pereira, afirmou na segunda-feira que o órgão confia totalmente nos dados entregues e já está acostumado com os questionamentos de prefeitos. “sempre que tem divulgação [de Censo], temos problemas, especialmente nos municípios de até 170 mil moradores. Temos de conviver com isso fazendo as respostas devidas e acatando as decisões judiciais”, disse ele.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *