Câmara aprova a Lei de Diretrizes Orçamentárias para 2024 com R$ 8,7 bilhões

Vereadores conseguiram emplacar 16 emendas para o próximo orçamento

Lei define onde a Prefeitura de Manaus poderá gastar no próximo ano

A Câmara Municipal de Manaus (CMM) aprovou a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) da Prefeitura de Manaus, com uma previsão de receita de R$ 8,7 bilhões para 2024 e 12 áreas prioritárias apontadas pela administração municipal: Assistência Social, Comércio e Serviços, Cultura, Desporto e Lazer, Direitos da Cidadania, Educação, Gestão Ambiental, Legislativa, Saneamento, Saúde, Segurança Pública, Trabalho e Urbanismo. O projeto foi aprovado por unanimidade pelos vereadores em Sessão Extraordinária, presidida pelo vereador Caio André (PSC).

Emendas dos vereadores

Junto com a LDO, que vai para a sanção do prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), os vereadores aprovaram 16 emendas parlamentares que vão orientar o orçamento da prefeitura para o próximo ano. O presidente da Casa, Caio André, explicou que a LDO permite a destinação de recursos prioritários dentro da Lei Orçamentária Anual (LOA), que ainda será enviada ao Legislativo e as emendas parlamentares são a contribuição dos vereadores para elaboração do orçamento do próximo ano.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *