Bombeiros do AM a caminho do Rio Grande do Sul

Governador Wilson Lima ofereceu apoio ao governo do RS

Amazonas levará mergulhadores e especialistas em resgate

O Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) enviou, na madrugada desta sexta-feira (10/05), uma equipe de 15 bombeiros, três viaturas e equipamentos para prestar ajuda humanitária ao estado de Rio Grande do Sul. O anunciou de envio dos militares foi feito, na quinta-feira (09/05), pelo governador Wilson Lima, com o lançamento da campanha “Amazonas pelo Rio Grande do Sul – AM pelo RS”.

“Em contato com o governador Eduardo Leite, coloquei toda a estrutura do Estado do Amazonas à disposição do Governo do Rio Grande do Sul. Hoje, enviamos 15 bombeiros, três viaturas e equipamentos para auxiliar nas ações de resgate lá no estado. E reforço que temos ainda mais 15 homens especialistas em saúde e defesa civil, a postos para ajudar quando eles precisarem”, disse o governador Wilson Lima.

Desde que o Rio Grande Sul decretou estado de emergência, o Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil do Amazonas estão em contato direto com o Comitê de Crise instalado pelo governo gaúcho, acompanhando e auxiliando as ações humanitárias.

O comandante-geral do CBMAM, coronel Alexandre Freitas, disse que a tropa com 15 homens, que saiu hoje de Manaus, conta com especialistas no trabalho de resgate.

“Estamos nos deslocando rumo ao Rio Grande do Sul, com 15 militares. Entre eles estão especialistas em salvamento aquático, em mergulho, especialistas em buscas em estruturas colapsadas. Esses bombeiros estão indo de maneira coordenada e autossuficiente, recebendo direcionamento do Comandante dos Bombeiros do Rio Grande do Sul”, explicou o comandante.

A tropa de bombeiros do Amazonas partiu, às 5h, do quartel do Comando Geral do CBMAM ruma ao Porto da Ceasa, onde embarcaram juntamente com as viaturas e equipamento em uma balsa. Após a viagem fluvial, seguirão pela BR-319 até o Rio Grande Sul, com previsão de seis dias de viagem.

Ao todo, a equipe enviada é composta por dois mergulhadores, três guarda-vidas, dois especialistas em salvamento terrestres, um em desastres naturais, um em atendimento pré-hospitalar e seis especialistas em resgate em estruturas colapsadas.

Recursos para atuação

A equipe de bombeiros do Amazonas também está levando na missão todos os materiais, equipamentos
e atuar por meio próprios durante a missão no RS. Entre os materiais estão cilindros de oxigênio, barracas, equipamentos de proteção individual, mantimentos e água.

“Estão transportando, barracas, materiais diversos para a subsistência deles e água. Então estarão autossuficientes durante todo esse período no Rio Grande do Sul para atuar em locais inóspitos, onde não há nenhum tipo de apoio, e eles estarão prontos por conta dos materiais e equipamentos que estão levando”, destacou o coronel Alexandre Freitas.

União das corporações

O Corpo de Bombeiros do Amazonas também deu estadia, na noite da quinta-feira (09/05), para uma equipe de 15 bombeiros militares do estado de Roraima, que seguiram junto à tropa do Amazonas rumo ao Rio Grande do Sul. O apoio entre as corporações de bombeiros militares são procedimento padrão em ocorrências desta dimensão.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *