Arthur diz que sistema de saúde de Manaus entrou em colapso e diz que a hora não é de vaidades pessoais

O prefeito Arthur Neto disse nesta manhã de segunda-feira (6) que o sistema de saúde em Manaus “já colapsou” e observou que o governo federal precisa fazer chegar renda às pessoas que precisam, “sem vaidade e estrelismos”.

O prefeito Arthur Neto disse nesta manhã de segunda-feira (6) que o sistema de saúde em Manaus “já colapsou” e observou que o governo federal precisa fazer chegar renda às pessoas que precisam, “sem vaidade e estrelismos”.
Segundo Arthur Neto, o governo estadual “precisa ter uma atividade forte para manejar todas as suas forças para ampliar a oferta de leitos.

Arthur Neto disse o que a prefeitura está fazendo. Confira!

“Do nosso lado, estamos cortando na carne o custeio e investindo onde realmente é necessário, fortalecendo nossas ações de saúde e destinando recursos para socorrer os mais vulneráveis, como estudantes de baixa renda que receberão bolsa de R$ 50 por dois meses, além do auxílio de R$ 300 para catadores e microempreendedores das galerias populares, por igual período”.
O prefeito voltou a pedir que as pessoas, não envolvidas em atividades essenciais, fiquem em casa.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *