Amazonino diz que Manaus vai respirar esportes, caso seja eleito prefeito

Amazonino Mendes, candidato da coligação Juntos Podemos Mais, escolheu um cenário que lembra bem a prática de esportes para gravar o seu programa eleitoral. Ele esteve nesta segunda-feira (03) em frente à Vila Olímpica, no bairro Dom Pedro, onde gravou para o Horário Eleitoral e anunciou que se eleito, irá solicitar ao Governo do Estado, por meio de convênio, que a administração da Vila Olímpica de Manaus passe a ser feita pela prefeitura.
“Esta Vila Olímpica é do estado e sou candidato a prefeito. Mas eu vou me esforçar para fazer convênio. Já que o estado não quer, a prefeitura vai querer. Vamos fazer isso aqui fervilhar com o vigor do esporte, das várias modalidades, pois temos vocação e Manaus tem um celeiro de jovens talentos”, afirmou Amazonino.
Amazonino Mendes lamentou o estado de abandono do equipamento esportivo e relembrou o tempo áureo do espaço público que chegou a receber delegações esportivas de vários países em preparação para as Olímpiadas, de 1996.
“Esta vila teve seus dias de glórias. Aqui, vieram várias delegações do mundo, inclusive, da Europa, treinar para poder se habilitar tecnicamente nas olimpíadas de Atlanta. Vamos fazer a parceria com o governo, vamos respeitar o patrimônio que é nosso, do jovem. É lamentável ver esse patrimônio da juventude, do esporte, abandonado. O que é isso? Falta de cultura, de respeito à juventude, é apostar na ignorância, é achar que isso passa ao largo. Não é assim”.
A construção da Vila Olímpica ocorreu em 1990, conforme Amazonino, e se tornou referência em equipamento desportivo no país. “A vila olímpica nasceu no primeiro governo, sendo a primeira vila olímpica da América do Sul. Isso fez com que, em Sevilla, na Espanha, o estado do Amazonas, na minha modesta pessoa, recebesse uma comenda internacional, do COI (Comitê Olímpico Internacional)”, destacou Amazonino.

Nova Secretaria

Amazonino (Podemos) disse que tem a intenção de recriar a Secretaria Municipal de Esportes, Juventude e Lazer e ampliar o programa Bolsa Atleta, que chegou a conceder mais de 30 bolsas, no valor de até R$ 5 mil mensais, aos atletas praticantes de esportes de alto rendimento, em modalidades olímpicas e paraolímpicas.

Espaços esportivos

Além da construção da Vila Olímpica, Amazonino construiu também o Centro Recreativo de Esporte e Lazer do bairro Nova Cidade; reformou três quadras da Vila Olímpica e do Ginásio Poliesportivo Renné Monteiro e recuperou a Mini Vila Olímpica do Coroado e mais 17 complexos esportivos, entre outras iniciativas dessa área na cidade.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *